Naturistas e têxteis, 2 mundos diferentes?

Philippe, l’Héliophile, conta na revista Naturisme (N°68) como descobriu as virtudes do naturismo, que apresentou a sua companheira, apesar da relutância da família.

Um testemunho fascinante e bem argumentado que continuará na próxima edição (N ° 69 – dezembro 2020 / janeiro 2021). Aqui está o começo.

Na nossa família, nos anos 70, a aparência ocupava um lugar bastante importante, tínhamos fácil crítica às pessoas, seus aspectos físicos, suas formas de vestir, lembro-me de ouvir muitas vezes esse tipo de reflexão: “ Quando estamos tão bagunçados não colocamos maiô… Quando estamos tão gordos tomamos cuidado para não nos mostrarmos demais… etc. ”<

0

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *