A história não contada do paraíso naturista da Iugoslávia

Para o governo socialista da Iugoslávia, aceitar milhões de naturistas que queriam um espaço descontraído para voltar à natureza era uma demonstração útil do poder brando da Guerra Fria.

A política deixou sua marca, com resorts nudistas na costa do Adriático até hoje – mas o mundo capitalista moderno também trouxe novos desafios.

Em agosto de 1972, a Federação Naturista Internacional realizou seu 13º Congresso em Koversada, um resort de acampamento do tamanho de uma cidade na costa da Ístria na Croácia. Mais de 250 jornalistas se reuniram na região &ndas

0

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *